Sobre o Hanabi Matsuri

Países com estreito relacionamento econômico, político e diplomático, Brasil e Japão celebram, em 2015, os 120 Anos de Tratado de Amizade, Comércio e Navegação. Uma data simbólica e significativa, pois, atualmente, as duas nações possuem diversos acordos bilaterais e de cooperação. No campo cultural, os japoneses que escolheram o País como segunda pátria – há 107 anos – estão totalmente integrados à sociedade brasileira, incluindo a influência e o impacto positivo em determinados setores, como gastronomia, tecnologia, educação e demais manifestações. Como simbologia máxima deste tratado de amizade, está prevista a realização de uma queima de fogos de artifício, cujo intuito é festejar a data simbólica.

Os 120 anos de amizade Japão-Brasil foi comemorado com várias atividades no Autódromo de Interlagos, no dia 12 de setembro de 2015. Com muitas atrações especiais e a mais esperada de todas, a queima de fogos que fechou com chave de ouro o grande dia!

Agradecemos à vocês, que fizeram dessa festa uma explosão de alegria!

Arigato!

Tradicional queima de fogos

Junko Koshino

JunkoPresença especial da renomada estilista Junko Koshino, designer do espetáculo de fogos.

MADAME BUTTERFLY

A ÓPERA QUE CONQUISTOU O MUNDO

Madame Butterfly é uma ópera de Giacomo Puccini, com libreto de Luigi Illica e Giuseppe Giacosa, baseado no drama de David Belasco, o qual por sua vez se baseia numa história escrita pelo advogado norte-americano John Luther Long. Estreou no Teatro alla Scala de Milão a 17 de fevereiro de 1904. É sobre um tenente da marinha que se apaixona por uma gueixa.

A trama da ópera recebeu, mais tarde, uma citação na peça teatral (depois adaptada para o cinema) M. Butterfly, de David Henry Hwang (1988), inspirada no relacionamento entre um diplomata francês, Bernard Boursicot, e um cantor da ópera de Pequim, Shi Pei Pu. O nome Butterfly faz a ligação entre as duas histórias.

GALERIA DE IMAGENS

COLABORADORES

QUE TORNARAM TUDO POSSÍVEL